Projetos & Equipas

Pine ENEMY ---

Exploring the NEmatode-MYcobiota interactions in PineWilt Disease

A Doença da Murchidão do Pinheiro (DMP) é uma das principais ameaças para as florestas de resinosas em todo o mundo e um problema que causa grandes perdas económicas em Portugal. A doença resulta de uma interação complexa entre três agentes biológicos muito distintos: o nemátode do pinheiro (Bursaphelenchus xylophilus), o seu inseto-vetor (Monochamus galloprovincialis) e a árvore hospedeira (Pinus spp.). Pretende-se desenvolver novas estratégias para o controlo da doença.

 

Objetivos

– Esclarecer a estrutura e dinâmica das interações entre o nemátode e a comunidade de fungos associada, visando compreender melhor o complexo da doença.
– Avaliar as comunidades de fungos através de duas abordagens complementares: métodos cultiváveis e análise metagenómica usando métodos não-cultiváveis.
– Constituir uma coleção da fração de fungos cultiváveis (ênfase nos fungos do azulado da madeira) a caracterizar por métodos fenotípicos e moleculares.
– Avaliar o papel dos isolados relevantes no ciclo de vida do nemátode do pinheiro, tanto in vitro como através de ensaios em estufas.

 

Equipa

INIAV – Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária e Universidade de Évora.

 

Mais informação sobre o projeto Pine ENEMY